Rap na velocidade da luz

Sabe aquele rap fodão que você não entende p**ra nenhuma mas faz questão de mexer a cabeça e curtir o som sem se preocupar com o que está sendo dito? Então, o post de hoje vai homenagear aqueles rappers que subitamente decidem se transformar em locutores de rádio esportiva, cantando versos à 437273839mensagemsubliminar4766721 bpm!!! Uma fritação sem fim nos vocais que para esses caras é só mais uma composição normal. Então afivele o seu cinto e cuidado para não dar pane no cérebro com a velocidade com que esses caras cantam, porque hoje trouxe uma série de músicas cantadas a uma velocidade impressionante ao mesmo tempo que eu vou tentar exprimir a ideia por trás da letra para que o leitor não fique tão perdido assim.

Tech N9ne – “So Dope” feat. Wrekonize, Twisted Insane,
& Snow Tha Product

Primeiramente começando com um clássico do fast rap, Tech N9ne, um artista bem violento com as palavras e que não poupa nenhum verso com a participação de vários outros rappers neste single. Um trabalho muito bem feito e extremamente agressivo: a letra da música retrata várias orgias com uso intenso de drogas. Apesar dos pesares, é incrível a habilidade lírica de cada um dos rappers, e como as rimas são bem encaixadas…

Twisted Insane – “Undergound Psycho” feat. C Mob

Esse é um dos rappers que eu mais pago pau, já que, apesar de sua voz bastante fanha, a habilidade desse cara de cantar rápido e rimar é algo sobrenatural. Não é à toa que ele leva “insano” no seu nome artístico. Pelo que eu entendi essa música é uma crítica ao “rap modinha”, pelo que eu pude perceber por um dos mais de 130 versos da música, quando C Mob diz “radio rappers are quicker to slaughter”. Senti uma referência muito boa do clipe com o filme Cães de Aluguel do Quentin Tarantino, principalmente na hora que a tortura começa. E principalmente: espere os 2:25 da música, para você sentir o que é um rap a uma velocidade supersônica.

Travis Baker – “Let’s Go” feat. Yelawolf, Twista, Busta Rhymes & Lil Jon

Sim! Travis Baker, esse nome não lhe é tão estranho quanto parece! Travis é o ex-baterista do Blink-182 e, em sua carreira solo, fez este single ao lado de vários rappers de renome. Todos eles com uma parte cantada na música intercaladas pelo refrão do rei do crunk, Lil Jon, enquanto Travis alucina freneticamente na bateria ao fundo. Destaque, claro, para Busta Rhymes, que mais faz sucesso em participações do que com suas próprias músicas, mas que não deixa de ser um dos melhores rappers do século XXI.

Jay-Z – “Poppin’ Tags” feat. Twista, Big Boi & Killa Mike

Bem, se você manja de rap já deve saber que fast rap não é muito a praia do Jay-Z. Nesta música, “Poppin’ Tags”, do álbum The Blueprint 2: The Gift & The Curse (2002), Jay-Z até tenta mandar um rap mais rapidinho do que o usual, mas a velocidade mesmo da música está a cargo (como sempre) de Twista, Big Boi e Killa Mike. “Poppin’ Tags” tem uma vibe bastante viajada com um ritmo bastante latino e com um ringtone da Nokia tocando ao fundo que dá esse ar de estar em outro planeta à música.

Eminem – “Rap God”

Essa música eu deixei por último porque ela merece uma atenção especial. Pois é, são 6 minutos de puro hip hop em que o rapper branquelo mais famoso do mundo canta sozinho, sem participação alguma. A letra da música, portanto, é incrivelmente gigante, e se você pensar que foi composta por um só artista fica mais impressionante ainda. E haja fôlego! Em “Rap God”, Eminem fez o rap mais rápido de sua carreira, cantando exatamente sua carreira desde o início, criticando seus críticos, tirando sarro de quem o acha muito “mainstream”… enfim, dizendo um milhão de coisas sobre sua própria vida e fazendo inúmeras referências a outros rappers que o inspiraram. Obs.: aos 4:24 Eminem decide entrar na velocidade supersônica e passa a conjurar os seguintes versos:

Uh, summa-lumma, dooma-lumma, you assuming I’m a human
What I gotta do to get it through to you? I’m superhuman
Innovative and I’m made of rubber
So that anything you say is ricocheting off of me
And it’ll glue to you
And I’m devastating, more than ever demonstrating
How to give a mothafuckin’ audience a feeling like it’s levitating
Never fading, and I know the haters are forever waiting
For the day that they can say I fell off, they’ll be celebrating
Cause I know the way to get ’em motivated
I make elevating music, you make elevator music

Detalhe, são 97 PALAVRAS EM 15 SEGUNDOS, ou seja, 6.5 palavras ditas POR SEGUNDO. É algo fora do comum, mesmo no universo do rap. Apesar de todo narcisismo de Eminem se intitular o “deus do rap”, pode se dizer que ele tem motivo para dizer isso…

Bem, espero que todos tenham sobrevivido.

2 thoughts on “Rap na velocidade da luz

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s